Guardar o celular no bolso pode causar danos ao esperma

Celular prejudica esperma

Um novo estudo sobre a análise do efeito das radiações não ionizantes na produção de esperma trouxe novas afirmações prejudiciais sobre o ato de guardar o celular no bolso, informa o portal Daily Mail, citando um estudo realizado por cientistas da Universidade de Newcastle, na Austrália.

Sem dúvida, o efeito da radiação sobre o corpo humano continua a ser um tema de debate em curso. O novo estudo, que envolve uma análise de 27 estudos científicos anteriores que analisaram as amostras de esperma de 1.492 pessoas, disse que existem muitas evidências que confirmam que a radiação eletromagnética afeta a produção de esperma.

Na maioria dos experimentos foi demonstrada que a radiação gera a perda de mobilidade do esperma e danos ao DNA. Especificamente, os estudos mostraram que a exposição à radiação emitida pelos telefones celulares está associada com mobilidade reduzida do esperma em cerca de 8% e 9%.

Especialistas afirmam que os homens ignoram o dano que poderiam levar as futuras gerações se as crianças procriarem com espermatozoides contendo o DNA danificado. Assim, o Dr. Joel Moskowitz da Escola de Saúde Pública da Universidade da Califórnia, Berkeley, advertiu que o estudo da Universidade de Newcastle mostra claramente que “os homens não devem segurar o telefone perto de seus órgãos genitais.”

Fonte: Daily Mail

Comments

comments